O que é  peeling de cristal ?

Peeling é um tratamento estético que remove uma camada fina da pele através da aplicação de agentes químicos ou mecânicos. Esse procedimento faz com que a região tratada se regenere criando uma nova pele mais saudável e livre de manchas.

O nome origina-se do produto que é aplicado, óxidos de alumínio, que se parecem com cristais e que são os responsáveis pela esfoliação da pele durante a aplicação.

Para quem é indicado o peeling de cristal

  • Pessoas que precisam de tratamento para manchas e afecções da pele (cravos e espinhas);
  • Pessoas que queiram tratar rugas, estrias e também pelos encravados;
  • Homens que sofram de foliculite;
  • Pessoas com manchas de bronzeado que queiram igualar o tom da pele;
  • Quem está com deficiência ou deseja estimular a produção de colágeno.

Como funciona o procedimento

Um aparelho realizará sucção na pele por intermédio de uma ponteira que solta óxidos de alumínio (os cristais) que fazem o trabalho de esfoliação retirando células mortas e impurezas.

Durante o procedimento também é exercido um vácuo que remove as partículas levando-as de volta ao seu local de origem. A percepção do tratamento é uma dor leve e podem ser ministrados analgésicos para pessoas mais sensíveis.

Enquanto realiza o tratamento, o profissional estético pode manter apenas uma esfoliação leve ou optar pelo procedimento mais profundo que chega até a derme superficial que é a primeira camada da nossa pele. Esse método mais profundo possibilita a colocação de produtos ativos que sejam avaliados como necessários.

Esses produtos podem ser vitamina C, ácido retinoico e hidratantes entre outras opções e têm a função de potencializar o tratamento mecânico. Nessa camada da pele os princípios ativos desses elementos são aumentados consideravelmente proporcionando melhores resultados.

Caso opte pela realização do procedimento mais profundo, certifique-se de que o profissional que está ministrando o tratamento está qualificado para efetuar essa fase mais abrangente.

Antes das sessões de peeling de cristal que devem ser de, no mínimo 3 para um efeito mais perceptivo, não existem cuidados especiais, pode ser feita aplicação de ácido para ajudar na preparação da pele, sem contra-indicações.

As restrições vão para as pessoas que desejam se beneficiar dos efeitos clareadores do procedimento que não poderão estar recentemente bronzeadas. É indicado evitar fazer limpeza de pele antes do procedimento, pois a sensibilidade extra, poderá afetar a eficácia do tratamento. Caso haja alguma irritação na pele, onde será feito o procedimento, é recomendado não fazer.

As recomendações após a realização do procedimento, convergem para o uso constante de produtos com filtro solar (pelo menos fator 30) com novas aplicações a cada quatro horas. Hidratantes e água termal ajudarão a acalmar e recuperar a região tratada. Caso haja utilização diária de produtos específicos é indicado fazer uma consulta ao dermatologista.

Mantenha a pele bem hidratada, fazendo isso de manhã e à noite. Gestantes podem realizar o procedimento desde que não afete a região abdominal. Fazer o peeling químico (com produtos específicos) potencializará o resultado do peeling de cristal que também é conhecido como peeling físico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *